O que fazer em Catânia

Com mais de 2700 anos, Catania é uma das cidades mais importantes da Sicília e foi construída por uma mistura das culturas grega, espanhola, árabe, romana, aragonese, suábia, angevina, normantina e bizantina.

Conheça alguns pontos turísticos da cidade logo abaixo:

Piazza Duomo
O ponto inicial de qualquer tour pela cidade, a Praça da Catedral foi o local escolhido para começar a reconstrução da cidade após o desastroso terremoto de 1693. Dois prédios importantes se encontram nessa praça: A catedral e a prefeitura de Catânia.
No século XVII os mais renomados arquitetos e trabalhadores de toda a Sicília trabalharam aqui para conceber o estilo barroco que hoje compõe a lista do patrimônio da humanidade UNESCO.

A praça também é o ponto de encontro das maiores festas e comemorações da cidade e têm ao seu centro  a Fontana del’Ellefante, uma fonte com um elefante de lava que é o símbolo de Catânia. No subsolo da praça está a Terme Achilliane e também próximo da fonte Amenano está o mercado de peixes para lembrar do mar que está logo ali.

Castello Ursino
O Castelo foi construido por ordem de Friedrich II da Suábia entre 1239 e 1250 para fortificar as áreas das fronteiras do império. Durante a erupção de 1669 foi envolto de lava e acabou se afastando do mar por centenas de metros. Após muitas escavações, acabou retornando à sua aparência original.
Por um tempo serviu de prisão até ser transformado em um museu onde são exibidos objetos arqueológicos dos períodos grego e romano e antigas obras de arte da região.

Etna: O Vulcão mais ativo da Europa
O Monte Etna é um vulcão entre o mar Jônico, a planície de Catânia e as montanhas Nebrodi. Seu topo fica a 3300m acima do nível do mar e possui um diâmetro-base de 45km com um perímetro de 45km e sua lava, com mais de 600mil anos se estende por 1250km².
Atualmente possui quatro crateras em atividade, sendo a maior – O Golfo – tendo mais 500m de diâmetro. Por conta da emissão de gases, vapor e cinzas, o que pode iniciar erupções periódicas e lançar magma a uma altura considerável que pode ser vista até da Calabria.
Em 2013 entrou para a lista de patrimônio mundial da UNESCO por ser a maior montanha e o vulcão mais ativo do mundo, além de ter vários ecossistemas ao seu redor.
Visitas podem ser feitas para a montanha e ao redor dela, que também vale muito a pena, mas isso merece um post específico que escreveremos logo.

Praias e mar
Para quem prefere o mar, a região está repleta de lugares lindos para apreciar, nadar, deitar embaixo do sol, apenas para molhar os pés ou fazer excursões subaquáticas.

É claro que isso não é tudo que Catânia e as cidades ao redor tem para oferecer. Logo voltamos com mais um post com vários outros detalhes para você aproveitar sua vinda na hora de fazer seu processo da cidadania italiana com a Gobbi 😉

 

Comente

Comentário(s)